A Visita do Coral de Cássia

 

                                                                              A Visita do Coral de Cássia

Aconteceu no dia 23 de agosto de 2017, na missa das 9h, a apresentação do “Coral Pequenos Cantores de Cássia”. 

Nosso Pároco, Padre Luis Carlos, CSrR, e a Equipe responsável se empenharam na acolhida aos nossos visitantes. Também o “Colégio Nossa Senhora da Ressurreição”, com a nossa querida “Irmã Ana Rosa”, a exemplo de Jesus, abriu suas portas para recebê-los com amor e muita alegria! 

O Coral foi fundado em 1972 pelo professor e maestro “Heitor Geraldo Magella Combat” e faz parte da “Federação Nacional dos Meninos Cantores do Brasil”, tendo participado de todos os Congressos Nacionais e Regionais promovidos por esta Federação. Conta hoje com, aproximadamente, quarenta e cinco integrantes titulares,  trabalha com quatro naipes principais (sopranos, contraltos, tenores e baixos) e executa peças de até 8 vozes. 

Tem como diretor Messias Donizete Faleiros, como maestro Humberto Patrik Pampanini França e fomos agraciados, também, pelo salmista Diogo Carline Silva que, com apenas quinze anos e sua potente voz, encantou todos nós. 

O presidente da celebração, Padre Luis Carlos, nos lembrou em sua homilia que “Deus é bom e misericordioso, não se deixando levar pelas angústias humanas”.  Falou ainda que “o mal está no coração do homem, temos o joio e o trigo dentro de nós” e, continuou, “no entanto, Deus nos deu também, a oportunidade de nos transformar e nos dá liberdade pra escolher trilhar por caminhos dourados. 

O joio e o trigo estão dentro de nós, sendo assim, devemos passar pelo fogo do amor de Deus e vamos, então, sendo aprimorados e purificados por esse  amor. Enfim, somos um pouquinho de fermento transformando a massa e assim estaremos ajudando a sociedade a ser semelhante ao ‘Sonho de Deus’.

Finalizando, ainda, “ de acordo com a vontade de Deus, que sejamos seres humanos  amáveis, para que toda a sociedade se salve. Amém!“

“Parabéns,  Paróquia Santo Afonso! Hoje nossa alma foi visitada pela beleza das vozes do ‘Coral de Cássia’ e pela grandeza dos que cuidaram para que tudo fosse possível.”

Relatou: Lucia Farinhas